Riscos em segurança: o que é ou não efetivo?

Surpresas boas ou ruins são inevitáveis, mas as consequências podem ser minimizadas.

Situações adversas que causam danos físicos e materiais podem ocorrer em qualquer atividade, a qualquer momento. Não existem formas de prever com precisão o momento em que surpresas irão acontecer, mas as empresas precisam ter em seu planejamento possíveis danos a equipamentos, instalações, perdas no processo de produção e, até mesmo, a redução ou interrupção da capacidade produtiva do negócio.

E não é só isso: indivíduos também precisam considerar imprevistos que podem acontecer em sua rotina e, com isso, julgar a adoção de um comportamento preventivo para minimizar ameaças e as suas consequências.

Você sabe quanto os possíveis prejuízos podem custar?

Em um planejamento e estudo de futuros imprevistos, é importante, também, considerar custos. Quando uma situação acontece sem que haja nenhum preparo anterior a ela, as chances de que a dimensão do problema seja ampliada são ainda maiores.

Muito provavelmente, todos nós conhecemos alguém que esteve em situação de perigo. Nós mesmos já podemos ter passado por uma ocasião que nos trouxe danos financeiros ou fatalidades – como, por exemplo, a perda de um ente querido. Naturalmente, o ser humano tem tendência a prever que os males estão distantes de acontecer com ele, fato que deixa as pessoas muito mais despreparadas para enfrentar as adversidades.

Dominar o cenário no qual estamos inseridos e entender os riscos aos quais estamos expostos nos ajuda a escolher, dentre as opções disponíveis, aquelas que propiciam melhor controle das situações. Uma análise detalhada da sua rotina profissional ou de seus hábitos pessoais ajuda a fazer escolhas melhores. Porém, diante do dinamismo presente nas relações interpessoais e no modo como a vida acontece, nem sempre é possível avaliar questões de segurança com a consciência necessária para a prevenção e o gerenciamento de riscos.

Em função do fácil acesso à informação, é possível conhecer antecipadamente uma série de fatores. A exemplo, temos as informações sobre condições climáticas e sobre locais de alto índice de violência. A reunião de informações pode nos manter atentos aos riscos e transformar a maneira como nos preparamos para evitar ou desviar de situações críticas.

Entretanto, quando a gestão de riscos e o comportamento preventivo habitual apresentam falhas em sua execução, o olhar de um profissional especializado pode fazer a diferença na efetividade da tomada de decisões sobre segurança.

O comportamento preventivo na prática

Para uma melhor contextualização, vamos pensar na compra de um automóvel. Quais são os fatores levados em consideração no momento da escolha do carro que vamos comprar? De modo geral, os critérios de escolha passam pelo gosto pessoal e analisam a motorização, o conforto e a tecnologia aplicados no veículo.

Um indivíduo que nutre a percepção da consistência do comportamento preventivo vai utilizar critérios além dos mencionados. Sua análise será feita a partir do quanto o modelo de carro é visado em roubos e furtos, bem como seus índices de sinistro. Além disso, vai avaliar as despesas com seguro e possível manutenção e reparo – já que estará suscetível a imprevistos que podem comprometer o patrimônio que está adquirindo.

O pior risco é aquele que não é assim considerado e, portanto, não é tratado de maneira adequada. Eliminar todos os riscos não é uma possibilidade real, entretanto, gerenciá-los de maneira inteligente e antecipar possibilidades e condições inseguras é a alternativa que ajuda empresas e pessoas a estarem preparadas para enfrentar as ameaças em níveis menores, garantindo o bem-estar e tranquilidade para seguirem adiante.

Para ajudar você a adotar um comportamento preventivo, preparamos um material especial com orientações para identificar situações de ameaça, bem como para conhecer os principais procedimentos de segurança a serem tomados diariamente. Para fazer o download, clique no link abaixo:

[BAIXAR O E-BOOK SOBRE COMPORTAMENTO PREVENTIVO]

 A especialização em Gestão de Segurança

São os profissionais especializados em gestão de riscos que têm o preparo necessário para identificar e categorizar vulnerabilidades de maneira profunda e estratégica. Uma equipe de especialistas planeja e controla processos, treina e capacita pessoas, orienta sobre uso e investimentos em tecnologia – bem como atua em monitoramento e reavaliação constantes para garantir a qualidade da gestão dos riscos.

Você faz parte de uma organização que apresenta brechas nos procedimentos de segurança? Procura complementar sua proteção patrimonial, pessoal ou residencial? Entre em contato conosco. Nossa equipe está à disposição para orientar os melhores caminhos para a prevenção de riscos.

Comentários do Post

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar